GRADUAÇÃO / N/A / Licenciatura em Física

Informações

Em conformidade com as Diretrizes Curriculares Nacionais para Formação de Professores, espera-se que ao final do curso os alunos tenham constituído o seguinte perfil: Capacidade de inserção e atuação crítica na realidade social; Domínio de abordagens científicas sobre o conhecimento produzido na área; Capacidade de atuar interdisciplinarmente. Do licenciado em Física, espera-se uma consistente e abrangente formação em conteúdos dos diversos campos da Física, de acordo com as Diretrizes Curriculares para Cursos de Física, aliado a uma preparação adequada à aplicação pedagógica do conhecimento e suas experiências.

Espera-se que, ao final do curso, o licenciando tenha constituídas as seguintes competências: Com relação à formação pessoal: Possuir conhecimento consistente e abrangente na área de atuação, com domínio das técnicas básicas de utilização de laboratórios; Possuir capacidade crítica para analisar de maneira conveniente os seus próprios conhecimentos; assimilar os novos conhecimentos científicos e/ou educacionais e refletir sobre o comportamento ético, esperado pela sociedade referente à sua atuação e suas relações com o contexto ambiental, cultural, socioeconômico e político; Identificar os aspectos filosóficos e sociais que definem a realidade educacional; Identificar o processo de ensino-aprendizagem como processo humano em construção; Trabalhar em equipe; Buscar um processo de formação contínua, por meio da curiosidade e de estudos extracurriculares individuais ou em grupo, com espírito investigativo, criatividade e iniciativa na busca de soluções para questões individuais e coletivas relacionadas com o ensino de Física; Exercer a profissão respeitando o direito à vida e ao bem-estar dos cidadãos, a partir de uma formação humanística; Preparar e desenvolver recursos didáticos e instrucionais relativos à sua prática e avaliar a qualidade dos materiais existentes; Atuar como pesquisador no ensino de Física. Com relação à compreensão da Física: Compreender os conceitos, leis e princípios da Física; Acompanhar e compreender os avanços científico-tecnológicos e educacionais; Reconhecer a Física como uma construção humana e compreender os aspectos históricos de sua produção e suas relações com o contexto ambiental, cultural, socioeconômico e político. Com relação à busca de informação e à comunicação e expressão: Ler textos científico-tecnológicos em idioma pátrio e estrangeiro; Interpretar e utilizar as diferentes formas de representação (tabelas, gráficos, símbolos, expressões, etc.); Escrever e avaliar criticamente materiais didáticos, como livros, apostilas, “kits”, modelos, programas computacionais e materiais alternativos; Comunicar de forma oral e escrita projetos e resultados de pesquisa na linguagem educacional e científica (texto, relatório, parecer, pôster …); Analisar situações de produção escrita, oral e imagética, visando a uma inserção em práticas de linguagem, através dos gêneros discursivos; Compreender a função social da escrita/leitura e da produção oral/escuta, mediante o uso de linguagem em gêneros discursivos escolares e não escolarizados; Compreender o funcionamento sociopragmático do texto, seu contexto de emergência, produção, circulação e recepção, as esferas de atividade humana, as manifestações de vozes e pontos de vista, a emergência e a atuação dos seres da enunciação no arranjo discursivo do texto, a configuração formal macro e microestrutural; Confrontar ideias entre si, explicitando os critérios e defendê-las observando relações de causa e efeito; Reconhecer a linguagem como via de produção de conhecimento e intervenção na realidade social. Com relação ao ensino de Ciências da Natureza e da Física: Refletir de forma crítica a sua prática em sala de aula, identificando problemas de ensino/aprendizagem; Compreender e avaliar criticamente os aspectos sociais, tecnológicos, ambientais, políticos e éticos relacionados às aplicações da Física na sociedade; Usar a experimentação em Física, como recurso didático; Possuir conhecimentos básicos do uso de Tecnologias de Informação e Comunicação e sua aplicação em ensino de Física; Aplicar procedimentos e normas de segurança no trabalho; Conhecer teorias que fundamentam o processo de ensino-aprendizagem, objetivando a prática pedagógica; Conhecer e aplicar os fundamentos e métodos de gestão e planejamento educacional; Conhecer e vivenciar projetos e propostas curriculares de ensino da Física. Com relação à profissão: Ter consciência da importância social da profissão como possibilidade de desenvolvimento social e coletivo; Disseminar e/ou utilizar o conhecimento relevante para a comunidade; Atuar em espaços educativos formais, no ensino fundamental e médio, nas diferentes modalidades, assim como em espaços não formais, de acordo com a legislação específica, utilizando metodologia de ensino variada, contribuindo para o desenvolvimento intelectual dos estudantes e para despertar o interesse científico no educando; Organizar e usar laboratórios de Física; escrever e analisar criticamente livros didáticos e paradidáticos e indicar bibliografia para o ensino de Física; analisar e elaborar programas para esses níveis de ensino; Exercer a sua profissão com espírito dinâmico, criativo, na busca de novas alternativas educacionais, enfrentando como desafio as dificuldades do magistério; Conhecer criticamente os problemas educacionais brasileiros; Identificar no contexto da realidade escolar os fatores determinantes no processo educativo, tais como o contexto socioeconômico, política educacional, administração escolar e fatores específicos do processo de ensino e aprendizagem de Física; Assumir conscientemente a tarefa educativa, cumprindo o papel social de preparar os alunos para o exercício consciente da cidadania. – Trabalhar em equipe visando aproveitar as experiências positivas de outros profissionais, evitar os erros e equívocos cometidos e socializar o conhecimento produzido. – Planejar e avaliar continuamente, a fim de antecipar problemas e corrigir rumos. – Ser um mediador da aprendizagem de seus alunos, buscando a construção do conhecimento pelos mesmos. Adotar uma postura ativa de reflexão, autoavaliação e estudo constantes. – Possuir atitude e postura profissionais: cultivando práticas e hábitos saudáveis; cumprindo seus compromissos; cultuando valores e tradições; respeitando as diferenças individuais; acatando normas e regulamentos; aceitando a divergência e a diversidade; tratando a todos com bondade, respeito e educação.

MÓDULO DISCIPLINAS CH
1 Língua Portuguesa 40
1 História da Filosofia Ciência 40
1 Fundamentos de Matemática 80
1 Física Geral 80
1 Estrutura e Funcionamento da Educação Básica 80
2 Educação e Direitos Humanos - EAD 40
2 Atividades Complementares 50
2 Filosofia e Ética Profissional 40
2 Sociologia da Educação 40
2 Geometria Analítica 80
2 Fundamentos de Química 40
2 Psicologia do Desenvolvimento e da Aprendizagem 40
2 Física I 80
3 Atividades Complementares 50
3 Metodologia da Pesquisa e do trabalho científico 40
3 Prática de Ensino de Física I 80
3 Álgebra Linear 80
3 Física II 80
3 Cálculo I 80
4 Estágio Curricular Supervisionado Obrigatório I 80
4 Atividades Complementares 50
4 Educação Ambiental - EAD 40
4 Prática de Ensino de Física II 80
4 Estatística e Probabilidade 80
4 Física III 80
4 Cálculo II 80
5 Estágio Curricular Supervisionado Obrigatório II 100
5 Atividades Complementares 50
5 Educação para as Relações Étnico-Raciais - EAD 40
5 Prática de Ensino de Física III 80
5 Mecânica Geral I 80
5 Termodinâmica 80
5 Cálculo III 80
5 Didática: Fundamentos da Prática Docente 80
6 Estágio Curricular Supervisionado Obrigatório III 100
6 Libras - EAD 40
6 Ondas e Ótica 80
6 Mecânica Geral II 80
6 Cálculo IV 80
7 Trabalho de Conclusão de Curso I 80
7 Prática de Formação em Física I 80
7 Tópicos de Física Moderna 80
7 Gestão Escolar: Administração da Educação Escolar 40
7 Eletromagnetismo 80
7 Políticas Públicas da Educação 80
8 Fundamentos e Metodologias da Educação de Jovens e Adultos 40
8 Física Quântica 80
8 Prática de Formação em Física II 80
8 Estrutura da Matéria 80
8 Trabalho de Conclusão de Curso II 80

-

-

O curso de Física da Faculdade Machado de Assis oferece formação teórica e prática e tem como principal propósito formar professores de Física, para a atuação nos Ensinos Fundamental e Médio. Além da formação docente, o graduando tem oportunidade de participar de iniciação científica, por meio das Atividades Acadêmico-Culturais e Seminários de Pesquisa, haja vista a necessidade da pesquisa na vida de um professor. O presente curso tem o compromisso de formar intelectuais professores da mais alta qualidade, para que possam ser profissionais críticos e com competência ética, cognitiva e científica, envolvidos e comprometidos com a Educação, com a formação de cidadãos e, acima de tudo, com a promoção da democratização do conhecimento.

O Profissional licenciado em Física poderá: Exercer a docência na educação básica, nos Anos Finais do Ensino Fundamental e no ensino médio; Exercer a docência na educação não formal, tais como movimentos sociais e organizações não governamentais, projetos de extensão; Exercer a docência em diferentes modalidades de ensino, tais como educação profissional de nível médio, educação à distância, educação de jovens e adultos e educação especial; Atuar em espaços voltados para o desenvolvimento e à divulgação da ciência, tais como: museus de ciências, programas de TV, planetários, laboratórios itinerantes; Produzir e difundir conhecimento na área de ensino Física; Continuar sua formação acadêmica na Pós-Graduação

-